Aldo Pereira

Deu errado, graças a Deus.

Por Aldo Pereira há 4 meses

Não aceitem que Deus é bom, que é justo e que tudo acabará bem, porque não vai. Pode até coincidentemente acabar como vocês esperavam, mas se isso acontecer, não passou de acaso. Digo isso porque o transcorrer da vida só acaba de acordo com o esperado para um, mas não acontece assim para outros cem. Por isso essa é a mensagem que precisamos levar. Quando alguém for a uma atividade da sangha dizendo que veio pedir uma ajuda, não atenda. O verdadeiro espiritualista não aceita a ideia de que pode ajudar alguém. Estou falando ajudar no sentido que a pessoa vai esperando: a solução dos seus problemas, agir para que o sonho dela se realize. 

O verdadeiro espiritualista ajuda o próximo, claro, mas de outra forma. Como? Mostrando um caminho onde o ser que sofre aprenda a viver a realidade. 

 Vocês vivem uma vida ilusória. Imaginam que estão protegidos, que nada lhes acontecerá, que seus parentes viverão a eternidade ao seu lado neste planeta, que nada acontecerá com seus filhos. Tudo isso é ilusão, pois qualquer coisa pode acontecer com qualquer um.

Com isso, não estou querendo dizer que irão acontecer coisas com você e seus parentes. O que estou querendo é que você acorde para a realidade: pode acontecer. É preciso se estar preparado para que se ocorrer você não seja pego desprevenido e acabe sofrendo. E a primeira preparação para isso é saber que não existe um Deus que vá fazer a sua vida ficar boa. ‘Ah, mas eu conheço gente que foi a uma igreja ou um centro, pediu e recebeu’. Sim, isso acontece, mas quantas vão lá e não conseguem o que querem? Isso os seres humanizados não reparam, não é mesmo?

Sim, os seguidores de algumas religiões acreditam que existem os carmas, mas na vida dos outros. Na vida deles, ainda acreditam que é o vizinho que não o respeita e que por isso coloca a música alta, que é o bandido que não presta porque lhe rouba. É por isso que estou dizendo que não adianta só estudar. Você pode saber que existe a lei do carma, que a sua vida atual é fruto de suas ações em outras, mas se chegar em casa e sua mulher não tiver preparado a janta vai brigar com ela. Não lembrará nunca que é o seu carma.

Espiritualismo ecumênico universal