Paulo Siqueira

Não precisa tirar 10, tirando 5 já dá para passar de ano!

Por Paulo Siqueira há 1 semana

Hoje, para a elevação espiritual, não precisa mais tirar 10, como antigamente. No quesito das provas espirituais, hoje, tirando 5, se consegue fazer a elevação espiritual. Não que hoje seja mais fácil, em um sentido de ter menos mérito espiritual pela elevação, não há mérito em nada, são momentos, agora é um momento destes, pela evolução da capacidade de abstração do intelecto humano é mais atingível. Você não precisa mudar nada em sua vida, apenas se libertar dos pensamentos gerados pelo consciente. Como fazer? Assim: esteja fazendo o que estiver fazendo, esteja onde estiver, independente do mundo material, seu corpo e tudo mais, preste atenção no pensamento. Este é o primeiro passo, chama-se orai e vigiai, pois você nunca sabe a hora que vai acontecer tudo. Mas, prestando atenção no pensamento, a mente te bombardeia com várias coisas que te afligem. O segredo é, a princípio, usar respostas esquema, para fazer eles serem enfraquecidos até que não te abalem e parem. Estas respostas são as respostas que se deve dar as provas espirituais e a resposta para tudo é o amor universal para se elevar. O que é o amor universal? Amor universal foi explicado pela vida de Cristo, amar a deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo, ou seja, entender que há uma causa primária acima de todas as coisas gerando tudo com o atributo de justiça, bondade e inteligência supremas. É o amor agindo em todas as coisas, inclusive em mim e em você e em nossos pensamentos. Por isso devemos ficar atentos aos pensamentos, pois eles são as respostas no seu consciente do sentimento que o espírito vibrou, então você tem que entender profundamente o pensamento percebendo que ele é fundamentado em posse, desejo e paixão e, assim, desconstruí-lo, ou libertar-se dele com o amor universal. Deste modo, se pode voltar a ter uma consciência mais universalizada, no amor, pois o espírito é criado a imagem semelhança de Deus e tem os seus atributos, só que não com a sua potência máxima. O espírito, a medida que se eleva, aumenta a potência de seus atributos com a fé, que é entrega e confiança total a este Deus causa primária de todas as coisas, o amar ao próximo como a si mesmo é compreender o outro como ação de Deus, assim como você o é, portanto, não existem culpados, que não nós mesmos pelas nossas respostas sentimentais espirituais para o estado que está nossas vidas. Amem a tudo e a todos, que assim estarão fazendo o máximo que podem para melhorar as suas vidas, no sentido da harmonia, paz e o amor.

Psiquê Swami

Paulo Siqueira

Excrementos conscienciais

Por Paulo Siqueira há 1 mês

Se o pensamento consciente é só um pequeno excremento da elaboração total dos conteúdos do psique, pode-se concluir que os pensamentos conscientes são ideias vindas de um porão que você não tem acesso total. Se cada pensamento que surge já estava pronto no porão, de que vale ficar se apegando a todo fruto de porão, sendo que ele é uma mera metáfora a um sentimento para além das excitações nervosas. Inteligência na verdade é a sua capacidade de se libertar de tudo que é pensado, pois só assim você pode ter o máximo de informações sobre a vivência em si, quando você está vivendo os pensamentos que surgem você não está acessando todas as informações do agora e só no agora se pode encontrar as respostas para tudo. Mas as perguntas e as respostas também são só consciências, chegam por pensamentos. As perguntas vão surgir e as respostas vão surgir, só não sinta que você tem que perguntar ou responder correta ou incorretamente ou até mesmo responder, veja, se não há verdade racional, não é o saber que vai executar as ações, mas sim o conjunto total das psiquês. Independente do pensamento elaborado no momento, não é você que responderia uma pergunta consciente, mas perseguiria este pensamento até ele mesmo se responder, sendo que a resposta nunca é a verdade, pois para a verdade não há perguntas nem respostas, ela simplesmente o é, quando você aprende uma função cientifica, uma ferramenta metafísica do saber qualquer, como resolver um problema de química, é pela pratica de ter estudado aquilo, não por ter ficado pensando naquilo, é lógico que durante a leitura surge um certo pensamento que remete a leitura, mas eu creio que nem ele seria necessário(estou praticando isto para perceber melhor sobre isto*), mas um pensamento que surgiria como resposta aquele momento que pode ser estancado pelo sentimento de fé no Que emana. Olhe a sua frente e está tudo lá, seu velho porão, olhe a janela, rompa a parede deixe tudo cair na luz do sol e se reorganizar para que o velho se torne o novo de forma completamente diferente, pois com velhas palavras falo de ideias novas, então é possível para todo mundo, somos todos um porão esperando para ser aberto para o sol da vida lá fora. O problema é que a janela está dentro e ninguém quer romper seu mundo de dentro para expor sua podridão ao sol. 

Paulo Siqueira

Arte é amar

Por Paulo Siqueira há 1 mês

Se for para escrever algo

Faça como o uno estável

Vibrando tudo emanado

Não vou ser amigável

Para poder levar a salvo

Toda razão é penetrável

Pensamento é meu alvo

Causando vida intragável

Sentimento que te salva

Muito além do palpável

Amor do universo arma

Posso não ser amigável

Joio e trigo que se lavra

Ser humano é detestável

Prego essa morte a carne

Ressureição incontestável

Para poder fazer o alarme

Espírito na vida é estável

A escrever sem esse alarde

Peito vibra como a cascavel

E imprime veneno de marte

Mergulhe em si rasgue o véu

Arte é Amor por toda parte

Paulo Siqueira

Arma Astral

Por Paulo Siqueira há 5 meses

Como fazer a rima sair legal

Domo lazer a linha fluir letal

Tomo a ler a vinha ruir o mal

Tombo ao ver que tinha que ir pro astral

Louvo ao escrever rinha pra tu se munir do meu arsenal

De arma que se usa sempre no final de cada pensado carnal

Algo aconteceu em minha cabeça, mas nunca poderei dizer que tenho certeza, o que quer que aconteça eu não vou acreditar em nada que teça, lógicas formadas por formas deixo tudo ir embora é meu apreço, enquanto escrevo não planejo os trechos, por exemplo agora a mão digita não pensamentos mas transcreve sentimentos, deixo as palavras virem com o vento, mesmo tempo que sobra o ecoar do tempo, que estou aqui mantendo o firmamento que aprendi com Joaquim a explicação que parece sem fim, mestres que mostram que não há fim e que em mim reside também Paim.

Éguinho Paulin Siqueira, louvado seja o pai.

Paulo Siqueira

Poesias Que Vêm ao Ego

Por Paulo Siqueira há 5 meses

Andado, passos dados por mim, enfim em outros ares

Ativado, reluzindo o de dentro para fora, voam as aves

Elevado céu da consciencia, lá flutuam acima de mares

Infiltrado, não estou acima ou abaixo, um traço cortez

Estado de plenitude, clima de encaixe, um laço com tez

Lado a Lado estamos, sempre se fez, vê, olhe absolutez

Quadrado aqui é sem vez, o pensamento sem pacatez

Antenado ali, fé sem lei, o sentimento ruim já se desfez