Gileno de Sá Cardoso

A PROJEÇÃO DA VIDA

Por Gileno de Sá Cardoso há 7 meses

Os nossos orgãos de percepção externa são na verdade órgãos de projeção. Os estímulos elétro-bioquímicos visuais, auditivos, táteis, gustativos, olfatórios, à exemplo dos pensamentos, vêm de fora e são "metabolizados" pelo ego antes de serem projetados para a produção da vida de acordo com o que nós imaginamos ser. Dessa forma são produzidos elementos sensitivos ilusórios tais como imagens, sons, odores, sensaçõs táteis, paladares, além de sentimentos diversos e peculiares para cada indivíduo.  Ao sermos o Agora, desconsideramos os elementos sensitivos e pensamentos ilusórios incompatíveis com a Realidade, não mudando a projeção da Vida Real. Dessa forma conseguimos projetar um retrato fiel sobre o que nos é apresentado por Deus. Por isso devemos aceitar a vida como ela é, e não projetar uma vida fora da Realidade.